Topo
pesquisar

O trabalhismo e a democracia

Sociologia

Clique e confira uma reflexão acerca da democracia do Brasil.

Gosto muito de tentar buscar elementos para o debate sobre o papel que a esquerda deve desempenhar na conjuntura política do Brasil de hoje. Vivemos um período de grandes incertezas, onde elementos de análise que pareciam sólidos realmente se desmancharam no ar. A questão principal é que nestes momentos de incerteza diversas possibilidades se apresentam como alternativas para se superar estes tempos nebulosos. Todavia é necessário que tenhamos em mente que certas soluções podem nos iludir de forma com que iludam a maioria da população. Particularmente me preocupo o uso do discurso de combate à corrupção para se justificar medidas de enfraquecimento da democracia e fortalecimento de projetos de cunho ditatorial. Se analisarmos a História do Brasil perceberemos que foi o uso deste discurso que garantiu as bases para a implantação da Ditadura Civil-Militar no nosso país, período tão obscuro que ainda estamos buscando esclarecimentos sobre o que aconteceu principalmente nos seus"porões".

Tendo isto em vista acredito que ainda não vivemos um período de grandes ameaças para a democracia, todavia é necessário que os defensores da democracia não "durmam no ponto" e não menosprezem a atuação dos defensores da ditadura e do fascismo, mesmo que estes assumam diferentes formas em seu discurso. Por isso acredito que a esquerda brasileira deva se basear nas suas próprias experiências anteriores para que se construa uma atuação condizente com os tempos em que vivemos. Para tal nada mais apropriado que o estudo sobre a ideologia do trabalhismo brasileiro que se constituiu, desde os tempos de Getúlio Vargas, como baluarte da defesa da soberania e dos interesses nacionais lutando contra aqueles que ainda tentam entregar o Brasil para os interesses estrangeiros.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Além de Getúlio Vargas, podemos citar alguns dos expoentes do trabalhismo brasileiro como Alberto Pasqualini, João Goulart, Darcy Ribeiro e, principalmente, Leonel Brizola. Brizola que foi o maior expoente da luta contra a implantação da Ditadura e que lutou ao longo de sua vida para que o Brasil não fosse uma nação subserviente aos interesses das grandes potências internacionais. Acredito que a defesa da democracia passa obrigatoriamente pela questão da defesa da independência nacional e também pela defesa dos ideais de respeito "à coisa pública", principais elementos do trabalhismo. Então teremos mais elementos para defender e aprofundar a própria democracia, tornando-a cada vez mais próxima de todos os cidadãos, melhorando a nossa própria sociedade.

Getúlio Vargas, o maior expoente do trabalhismo.


Publicado por: Marcelo Noriega Pires

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola