Topo
pesquisar

Noé e o pecado atual

Religião

A violência existe desde os tempos de Cristo e tem crescido assustadoramente.

No princípio da humanidade, antes de Cristo, houve um homem conhecido como: justo e bom. Ele andava com Deus, ou seja, tinha intimidade com seu criador.

Neste período a terra ainda não era tão populosa, os meios de comunicação não existiam como hoje, e a violência já proliferava sobre os homens. Em Gênesis quatro encontramos o primeiro homicídio, quando Caim e seu irmão Abel vão ao campo e Caim parte para cima de seu irmão e o mata, os motivos? Eles haviam feito uma oferta sacrificial a Deus e Deus não se agradou da oferta de Caim por causa do seu coração, Deus conhecia seu coração ao ponto de fazer restrições ao que pensava e aos seus atos invisíveis e visíveis como a oferta. Caim ao invés de resolver seu problema com Deus revolta-se contra seu irmão que teve a oferta recebida.

Quando Deus vem e pergunta a Caim onde estava seu irmão sua resposta foi a mais atual, não sei? Por acaso sou eu sabedor de meu irmão? Ou seja, saiu fora, tirou sua responsabilidade do fato, mas achava que Deus não sabia o que estava acontecendo, ou apenas queria tirar o corpo fora na tentativa de evitar as consequências.

A corrupção humana só crescia conforme multiplicava a humanidade daquela época. Deus na sua infinita sabedoria resolve diminuir a idade do homem vivendo na terra, este vivia até 300 anos ou mais. “Então disse o Senhor: O meu Espírito não permanecerá para sempre no homem, porquanto ele é carne, mas os seus dias serão cento e vinte anos.” (Gn 6:3)

“Viu o Senhor que era grande a maldade do homem na terra, e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era má continuamente.”(v.5). A maldade do homem não diminuía nem tendo a experiência de andar com Deus, ouvir sua voz e ter um relacionamento pessoal com Ele. O coração do homem a cada dia piorava ao invés de melhorar. O coração de Deus então sofreu um baque que o levou a tomar uma decisão drástica e sem volta. Estava triste e arrependido de ter feito o homem, sua frase era que bom ter feito o homem havia desaparecido, havia tomado lugar a tristeza. “Então arrependeu-se o Senhor de haver feito o homem na terra, e isso lhe pesou no coração. E disse o Senhor: Destruirei da face da terra o homem que criei, tanto o homem como o animal, os répteis e as aves do céu; porque me arrependo de os haver feito.” (vs 6-7).

O que fazer então, haveria alguém para Deus usar? Havia sim e Deus o viu, seu nome era Noé. O homem justo e bom. Seu coração não havia se contaminado com os homens de sua época. Deus disse a este homem que se preparasse, pois ele iria construir um barco grande com nome de ”ARCA”. Noé deveria apenas fazer o pedido e cresse no resultado. Não deveria se preocupar com o que seria dito pelos vizinhos, parentes. É bem provável que veio gente de longe para ver aquele negócio estranho que estava sendo construído. E as gozações? Cada um que passava provavelmente não perdia a chance de dizer uma palavra de sarcasmo, uma gozação. Se houvesse jornal naquele tempo seria a manchete em todos. Seria tema de filmes, debates em rádio e tvs. Seria a sensação louca do momento.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A mensagem de Deus a Noé foi: “Então disse Deus a Noé: O fim de toda carne é chegado perante mim; porque a terra está cheia da violência dos homens; eis que os destruirei juntamente com a terra.” (Gênesis 6:13) Haveria um derramamento de águas como nunca houvera e jamais houve em nossa atualidade. De todos daquela terra entrou na arca apenas os animais que Deus havia ordenado e Noé e sua família. ”Depois disse o Senhor a Noé: Entra na arca, tu e toda a tua casa, porque tenho visto que és justo diante de mim nesta geração. De todos os animais limpos levarás contigo sete e sete, o macho e sua fêmea; mas dos animais que não são limpos, dois, o macho e sua fêmea. Noé entrou na arca com seus filhos, sua mulher e as mulheres de seus filhos, por causa das águas do dilúvio.” (Gênesis 7: 1-7)

O pecado era tamanho que Deus quis limpar a terra. E hoje que temos com a história de Noé? Nossa geração está corrompida como naquele tempo. Não haverá outro Noé para Deus usar, nem enviará outro dilúvio para limpar a terra, pois enviou seu filho. Como prova de que não destruiria mais a terra por meio de água deixou-nos o arco-íris.

Nem o sangue do seu filho foi respeitado pelo homem, continuamos a nos corromper a ponto do cheiro do nosso pecado e violência estar chegando às narinas de Deus como nos tempos de Noé.

Mesmo a nossa nova aliança – Jesus Cristo, que veio para que o homem pudesse se arrepender é deixado de lado para nos entregar ás práticas satânicas que tem resultados mais rápidos.

Deixamos de nos importar com tudo e com todos, então a natureza resolveu clamar ao seu criador por nossas atitudes. São águas sem controle, terra tremendo em locais antes nunca acontecidos, o mar agredindo terra seca. Epidemias sem controle, só que ainda não acordamos da mesma forma que os vizinhos de Noé.

Devemos voltar nossos olhos para Jesus, Ele é a nossa única salvação. Não importa o que vão dizer a você e de você venha para este barco cristão, há espaço, basta você entregar seu coração a Jesus. Ele virá logo buscar seu povo, os que estiverem apenas cuidando de seus prazeres não o verão chegar, será num piscar de olhos, quem estiver preparado irá, os que não estiver saberá o valor de sua escolha.

Até a próxima...


Publicado por: silvia leticia carrijo de azevedo sá

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola