Topo
pesquisar

Meu veneno do dia-a-dia

Religião

Todos os dias somos bombardeados com notícias ruins que passam nos telejornais e a maioria das pessoas não toma a atitude de desligar a televisão, isso ocasiona uma poluição mental, além disso temos que rever nossos conceitos sobre a comida que comemos, pois essa também está contaminada por agrotóxicos.

Pensar que tem gente lucrando com tudo na sociedade é complicado, mas tem! Lucram com sua morte, com sua vida, com sua infelicidade e com sua aparente alegria. Vende-se descanso, harmonia sem paz e muito mais que nem conseguimos imaginar. O que não se colocam nos slogans é que estão nos destruindo com seus venenos diários. Enchem-nos de venenos de notícias ruins e a TV não é desligada, não damos conta, nossa alma já está contaminada com a desgraça do dia-a-dia.

Já é rotina na nossa vida nos alimentar de tudo que não nos conduz a saúde mental e Espiritual. Até o nosso alimento corporal (comida) está contaminada com o agrotóxico, também para aumento de produção e beleza sem a saúde que precisamos nos alimentos.

As propagandas fazem de tudo para nos mostrar que aquilo que estamos comendo e comprando não faz mal a saúde, é inofensiva a nossa alma. Do sapato, casa e verdura podem ser divididos no cartão em até doze vezes. Além de fazer mal a alma, trazem impaciência, aflição, nos trás o desespero com um carnê tão extenso a ser pago. O veneno do alimento contaminou toda produção. Não é mais só no campo que as folhas e frutos lutam com os insetos e destruidores de lavoura. Na cidade lutamos com o crediário que insiste em destruir trabalhadores que no fim do mês não sabem como pagar todas as boletas e ainda sustentar a família.

Quem compra por sua vez não consegue analisar o que vê, não sabe se realmente precisa pela ânsia de ter algo, assim faz qualquer negócio para mudar a situação em que se encontra. O consumidor das propagandas e dos alimentos com veneno somos nós impotentes ao ver um aparente delicioso e enorme morango no mercado, não paramos para avaliar porque está tão vistoso e compramos. Compramos também ao estar diante de uma TV sabe se lá Deus de quantas polegadas e não conseguimos avaliar o risco de tão grandes prestações. Estamos imóveis diante do veneno que nos é oferecido diariamente.

A vítima sempre somos nós, que sofremos com a alteração de humor de cada família endividada. Não temos a menor idéia do que é autodestruição. Sofremos a falta do nosso pão de cada dia, aquele que não faz mal nem a saúde física e nem a Espiritual. Que não nos deixa intoxicados nem endividados.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O Pão nosso de cada dia nos foi dado por Deus para que possamos preservar á vida, mas na ganância de ser mais do que somos deixamos de lado o bom e o transformamos em algo desnecessário. Então temos gerado destruição e morte. Muitas das mortes precoces, desnecessárias vindo do veneno diário em forma de vícios, drogas e correria. O coração não suporta mais tão grandes aflições.

A mecanização da agricultura é para suprir esta procura que temos pelo novo, rápido e eficiente. Não podemos mais esperar que uma planta cresça e dê fruto há seu tempo. Temos que modificá-la, afinal não podemos mais esperar. Com o Espiritual fizemos o mesmo.

Na tentativa de fazer do nosso Pão do dia-a-dia aquilo que realmente penso precisar ESTOU ADAPTANDO A BÍBLIA como fizemos aos nossos alimentos para o corpo. Produzimos nossos próprios mestres na tentativa que fale não aquilo que Deus deseja nos ensinar através de seu filho Jesus Cristo, mas nos dizer aquilo que queremos ouvir para justificar meus próprios erros. Damos à igreja imaginando entregar a Deus. Colocamos veneno nas ofertas e dízimos esperando que eles cresçam rápido e produzam mais rápido ainda.

Não buscamos mais a Bíblia como meio de alimentação Espiritual, meio de alimento saudável. Queremos lê-la para justificar erros, tentativas de ganho de salvação. Apenas estamos nos alimentando com o pior desta terra. Palavras sem valor, apenas inchadas por produtos como malicia, difamação da Palavra de Deus e queremos o melhor resultado desta terra.

A Bíblia jamais se adaptará a mim e a você, eu preciso ir a ela para buscar resposta não conotar a resposta que preciso ás suas Palavras. Jesus deixou seus ensinamentos para podermos ter vida em abundância, mesmo em lutas e tribulações.

O Verbo se fez carne e habitou entre nós, Jesus o Pão da vida que nos ensinou a caminhar de forma a nos tornarmos pessoas mais agradáveis, mais fáceis de lidar. Enquanto escolhermos o veneno como alimento teremos uma saúde física e Espiritual escassa. Nossa alegria não será verdadeira e nossa conquista não nos trará satisfação. A Bíblia é o nosso alimento diário que não tem veneno para destruir nossas forças, não precisa dele para fazer a planta crescer e dar frutos saudáveis e deliciosos como vida limpa, santa e a certeza que somos mais que vencedores em Cristo Jesus.

Até a próxima... 


Publicado por: silvia leticia carrijo de azevedo sá

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola