Topo
pesquisar

A Essência Criadora

Religião

A Essência Criadora, Basta percorrer a trajetória da raça humana, sua visão acerca de Deus, Centro Criador.

Basta percorrer a trajetória da raça humana para verificar a sua busca inata por algo superior. O Transcendental está imanente no inconsciente coletivo desde tempos imemoriais. Ainda hoje; pode-se notar tal ânsia natural pela busca de uma Essência que possa justificar a maravilhosa confecção do universo e suas leis harmônicas e perfeitas. A  palavra mais digitada nos sites de busca na internet é simplesmente: "Deus".
Longe de apregoarmos aqui mais uma meia verdade acerca de Deus e da vida. Queremos apenas demonstrar que essa busca natural por algo superior tem realmente um motivo óbvio. Buscamos a Essência de Tudo. Perseguimos o ideal de conhecer a Fonte que gerou e continua gerando essa teia de ações e reações em cadeia, que cria e recria coisas e eventos dinâmicos e inter-relacionados.
Deus é um termo antiqüíssimo utilizado para designar a Energia Essencial que regula o cosmos. Ao longo da história, dependendo de cada cultura foram atribuídas diferentes nomenclaturas para essa Energia. Na Índia chamam-lhe Prana, nos países islâmicos chamam-lhe “Barraca”, na China: Chi, no Japão: Ki. Outros a chamam de  Energia Bioplasmática, Fluido Universal Mana, Orenda,Od... Ultimamente muitos outros nomes tem sido utilizados para designá-la. Mente Universal, Essência Cósmica Criadora, Energia Essencial, Fonte, Quantum  são alguns nomes mais atualizados através dos quais os aprendizes procuram designar esse Poder sem Limites.
Acreditamos que tal Força Oculta seja muito mais que um Deus, mais que uma mente, mais que uma forma de energia. Ela é tudo. Por isso a chamaremos nesta análise simplesmente de Universo com "U" maiúsculo. Esse talvez seja um termo que traga uma visão mais grandiosa a respeito da Fonte Criadora para facilitar a nossa concepção. Obviamente não importa o nome que se dê à Fonte. Nada a fará maior, nem melhor. O nome serve apenas para nosso próprio condicionamento e aceitação mental.
Quando falamos de Deus, nosso inconsciente traz uma imagem idealizada acerca de um ser distante que governa o mundo. Essa imagem nos remete a papel de servos mediante um ser tirânico e cruel, ou um velho de barbas brancas sempre nos vigiando com seus olhos que tudo vê. Quando  o imaginamos como o Universo com tudo o que nele existe; temos uma visão mais ampliada do mesmo, já que aprendemos que o cosmos é infinito. Na verdade, compreendemos que a Fonte de Tudo é mais que o próprio Universo, já que tem a capacidade de comportar galáxias, sóis, planetas e luas em seu interior. Mas como não temos um termo mais abrangente para designá-lo, acreditamos que "Universo" seja ideal para o momento.
Por que estamos dizendo isso a você?
Acreditamos que ampliando a sua visão acerca de Deus, você terá mais capacidade de se apropriar da Energia Essencial que flui livremente em todas as direções. Essa Força Oculta está livre e disponível para ser usufruída sem reservas. No entanto; limitamos e condicionamos tal energia por nosso modo de pensar e agir e cultivando uma visão mais ampliada sobre o Universo, expandimos a nossa capacidade de apropriação da mesma.
Através de simples observação, podemos concluir que o bem-estar é a base do Universo e que o mal é um fator produzido  e mantido em atividade por ações contrárias aos princípios cósmicos. E, já que o mal não se fundamenta em um princípio sólido, não pode prevalecer sobre o bem natural que se expande do Centro Criador. Isso significa que é possível eliminar o mal a partir do momento em que nos identificamos com o bem.
Para compreender melhor essa análise, propomos que você compreenda que tudo no universo é energia e vibração. Saiba que desde a mais sutil até a mais densa forma de manifestação, tudo é energia em graus variados de densidade. A matéria é simplesmente energia condensada. Um grão de areia, uma flor, uma montanha, um ser humano, um pensamento e tudo o mais que possa existir neste infindável Universo são emanações de energia. Tudo existe por causa das ações e reações em cadeia de fluxos energéticos, vibrando em diferentes freqüências.
Esqueça a separação deduzida pela visão limitada que mostra apenas uma parte condensada dessa energia e imagine-se fazendo parte desse "Todo". Em seguida, será necessário uma readequação de seus hábitos, eliminando conceitos errôneos que produz o mal. Reconheça a veracidade de que os princípios universais tendem sempre ao crescimento, à evolução, à expansão.
Veja o seu corpo como um centro energético que contribui em pequena escala para que os objetivos da obra cósmica sejam realizados.  Imagine-se como uma pequena parcela dessa energia universal em ação. Imagine um fluxo de bem-estar constante circulando em sua vida e estendendo-se a todos os seres que habitam o planeta terra. Essa seria a imagem ideal do paraíso, criada por todas as grandes religiões do mundo. Apesar de parecer uma idéia absurda em um mundo tão desigual, esse é o embrião sobre o qual a vida foi estabelecida pela Fonte. Agindo dessa forma, sua visão de mundo entrará em sintonia com a forças criadoras da Energia Essencial e o mal desaparecerá, paulatinamente.
Persista crendo que o Universo foi criado para o seu bem-estar a partir de agora. Somente pela persistência você será capaz de incutir novos padrões de pensamento em seu dia-a-dia. E, persistindo pacientemente, tais pensamentos serão transformados em novos hábitos que eliminarão os antigos.
A nova visão de mundo que convidamos você a experimentar não deve excluir a possibilidade do mal. Apenas demonstrar que isso não representa o aspecto natural da vida. Ninguém quer perder a saúde, nenhum ser humano se regozija com o sofrimento, a fome e a miséria. Disto; podemos concluir que o ideal transcendental plantando em nossa essência regozija-se somente com as coisas boas e com as circunstâncias felizes. Daí; podemos concluir que o mal não representa em hipótese alguma um princípio natural do cosmos e sim; apenas uma circunstância transitória.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

E por que atraímos as doenças, a dor e outras experiências desagradáveis?
Por muitos motivos, mas qualquer que tenha sido a origem, acabou provocando uma ruptura em nossa sintonia com a fonte. Tal quebra de sintonia atraiu energias, circunstâncias e fatos desfavoráveis através da Lei Universal da Atração. Por força dessa Lei, atraímos consciente ou inconscientemente tudo aquilo a que damos atenção através do pensamento cultivado com sentimento e emoção. Podemos dizer ainda que muitas vezes, inconscientemente; aqueles que nos amam criam o mal, as religiões criam o mal, os nossos educadores criam o mal. E por essa influência maléfica do meio, fomos moldados a aceitar determinados preceitos e rejeitar outros. Isso; ao longo do nosso tempo histórico contribuiu grandemente para a perda da nossa identidade original.
É necessário restabelecermos em nós o equilíbrio natural que provém da Fonte Primeva. Para isso; temos que labutar na restauração de nossa personalidade, tornando-nos sintonizados novamente ao bom e ao belo. Não há outro caminho.
O alinhamento às Leis Universais não significa santidade, como muitos preconizam. Ao contrário; o bem-estar é a chave do sucesso  em nossa busca transcendental. Alegria, felicidade, harmonia, prazer são fatores que nos conduzem à Fonte, quando são bem direcionados. Obviamente; somos livres para fazer e ser o que desejarmos, desde que aquilo que fizermos não entre em conflito com outros princípios cósmicos. Basta seguir a regra de ouro, conscientizando-se de que somos partes de uma só coisa. Assim; tudo o que fazemos afeta o Universo de alguma forma. Cientes disso; jamais faremos algo que não esteja de acordo com o crescimento e a expansão de tudo.
Se o seu prazer ou a sua alegria se faz às custas do sofrimento de alguém, não está de acordo com as regras universais. Se por outro lado; você produz algo de positivo com as suas ações, está em sintonia com a Fonte e o que faz é motivo de júbilo para o Universo. Dessa forma; podemos concluir que todas as coisas podem ser puras, se forem realizadas com sentimentos nobres e elevados. A Bíblia ensina que todas as coisas são puras para os puros. Os antigos mestres sabiamente preconizaram que pecar é afastar-se de Deus. Outros diziam que pecar é errar o alvo. Mas lembre-se que o alvo é você, os outros homens e todas as demais criaturas, porque fazemos parte de um grande corpo só que é o Universo com tudo o que nele existe.
Sempre frisamos nesse site que as nossas emoções são os termômetros capazes de mostrar o grau das nossas vibrações e o nosso nível de conexão com a Energia Essencial. A emoção que mais nos faz vibrar em sintonia com o Universo é o amor incondicional. Portanto; quanto mais amor conseguimos manifestar ao cosmos, mais nos aproximamos da frequência ideal que reproduz a Essência Divina em nosso microcosmo. É por isso que os grandes mestres insistem na necessidade de amar aos outros como amamos a nós mesmos. Só assim, as nossas emoções criam uma frequência ideal em sintonia com as vibrações da Fonte Criadora e atraímos tudo de bom para o nosso campo energético vital.
As emoções que vivenciamos gera campos de energia muito poderosos que tem o poder tremendo de causar alterações em nossa experiência de vida através da poderosa Lei da Ação e Reação. Sendo assim; toda a energia emocional que enviamos ao Universo, regressa a nós sob a forma de efeito condicionado diretamente à natureza de tais sentimentos. O pensamento é energia. A emoção potencializa eleva em muitos graus a energia da mente. Há de se supor então que o nosso pensamento transformado em emoção é uma energia poderosa que interage com outras formas de energia, criando a nossa realidade através dos mecanismos de ação e reação.
Para os aprendizes, toda criação existente em torno de nós, partiu primeiramente de pensamentos que se transformaram em idéias dominantes. Tais pensamentos são oriundos tanto de nossa própria imaginação quanto do inconsciente coletivo. Essas imagens mentais, depois de algum tempo de nutrição energética pela força da emoção, resultou naquilo que conhecemos como "nossa realidade existencial". Não podemos controlar os eflúvios benéficos e maléficos emanados da mente de massa. No entanto; podemos gerenciar nossas emoções, eliminando muitas das causas dos nossos problemas. O efeito nocivo presente no lago mental da coletividade irá continuar existindo ao nosso redor. No entanto, a partir da elevação do nosso padrão vibrátil, constituímos uma verdadeira redoma protetora ao nosso redor que minimiza em muito, o efeito das energias negativas existentes. Portanto fica evidente que para criarmos uma realidade existencial mais plena, abundante e feliz, precisamos nos conscientizar da importância de gerenciar nossos pensamentos que são a matéria prima básica para o processo criador que regula a nossa vida. Isso não significa que devemos viver policiando nossos pensamentos. Basta gerenciar as nossas emoções através de uma mudança de atitudes.
Cuide sempre de seus pensamentos porque eles condensam uma forma de vibração poderosíssima que se traduzirá em sua experiência futura. Reflita profundamente sobre essa abordagem acerca da ação da Energia Essencial em nossa vida  e passe a avaliar cuidadosamente suas atitudes, suas ações e principalmente suas emoções.

Todos os meus livros estão disponíveis para leitura online, no meu site: www.acasadoaprendiz.com . Meus artigos falam sobre as maneiras de despertar o infinito potencial humano, através de técnicas de controle mental e de uma mudança na nossa maneira de pensar e agir diante da vida. Espero que ajude a muitos.

Visite meu site:

www.acasadoaprendiz.com


Publicado por: Francisco Ferreira

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola