Topo
pesquisar

Não me pergunte!

Poemas e Poesias

Que tal conhecer um poema sobre paixão? Clique e confira!

Sei lá,

não sei de nada 

e não quero falar.

O meu silêncio é inocente,

vítima de uma paixão dormente,

mas carente que um demente,

estou doente, infelizmente.

Será que toda essa gente sabe o que sente?

Sabe lá o que é morrer de amor;

talvez o Álvares de Azevedo com sua dor

e o Castro Alves nas asas de um condor.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Eu sou ator, finjo ser cantor;

cantando e contando paixões sofridas,

vividas e revividas nessa vida,

tão falida de Deus meu,

mas se era pra ser assim

era pra avisar e ter pena de mim

pobre homem querubim, 

que vive no mato que nem curumim

Aí de mim, aí de mim!


Publicado por: GEONE ANGIOLI FERREIRA

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola