Topo
pesquisar

Resumo do livro Vida Nova ' Dante Alighieri

Literatura

Resumo do livro Vida Nova ' Dante Alighieri, características do livro, a história do livro, considerações ao autor do livro, os gregos que morriam lutando.

Vida nova é uma produção literária que reformula a maneira de escrever Dante rompe com o estilo provençal e institui uma nova forma de escrever, uma nova maneira de fazer poesia, misturando-a com a prosa sem contudo deixar o texto solto. Dante faz de sua obra um texto orgânico, totalmente amarrado, cada parte dependente da outra e esta maneira de escrever de Dante exime qualquer característica de “Vida Nova” com o “Cancioneiro”. Dante fala do amor por Beatriz como algo inatingível que só poderá concretizar no mundo espiritual, através do amor e pelo amor. Dante nutre por Beatriz um amor sublime, totalmente espiritual que faz com que o autor após a morte de sua amada tenha forças para continuar vivendo e a partir daí muda completamente a sua maneira de escrever.

Dante após escrever “Vida nova” não só rompeu com o estilo provençal, com a tradição, enfim com toda a antiguidade clássica, podemos constatar isto no capítulo XXV, onde ele critica os oradores, a tradição lírica latina e o estilo provençal. Dante deixou marcas claras para outras fases literárias vindouras como o Renascimento, que tem como características a exaltação da mulher amada, o amor pelo amo, ultrapassando os limites da morte.

Beatriz para Dante é a própria simbologia do amor, amor cristalino, divinal e por isto ele a exalta, escreve que não pode compará-la com outra mulher, a chama de beatitude nobilíssima, fazendo referência a algo puro nobre que não se pode comparar. Dante não vê Beatriz como uma mulher a qual se pode tocar. “Vida nova” nos remete três idéias importantes em relação ao amor: memória, morte e segredo.

Os gregos para não caírem no esquecimento morriam lutando, Dante inovou e nos deixou como memória sua obra “Vida nova”. Morte, uma idéia de paraíso, religiosidade, pois só através da morte temos contato com Deus. Dante liga o amor à morte, representando desta forma uma elevação espiritual, um caminho para a vida eterna.

O segredo nos remete aos trovadores das cantigas de amor que não revelavam o nome da mulher amada. Ao contrário de Dante, eles enfraqueciam por não ver a mulher amada, por não poder nem citar o seu nome. Dante não cita o nome de Beatriz pois a tem como algo sublime e o fato de não vê-la por causa da morte, o torna mais forte, o faz dar uma guinada na sua vida e começar uma nova vida.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Dante inaugura o posimetrum, mistura da prosa com a poesia, explicando a cada final dos sonetos e baladas, os versos, a quem fala e de quem fala.

Uma outra característica na obra de Dante é o uso do número nove e seus múltiplos, uma referencia à idade Beatriz e Dante quando conheceram-se, dezoito anos de idade de Dante quando reencontrou Beatriz, nova significa os círculos que são formados em torno dos sete planetas, o céu cristalino, o último círculo da matéria. O número três significa a Santíssima Trindade a qual Dante remete Beatriz, Dante escreveu “Vida Nova” durante nove anos, antes e depois da morte de Beatriz.

No final do livro, Dante esgota as palavras a Beatriz e se propões não falar mais dela enquanto não tivesse um discurso novo que pudesse continuar exaltando aquela mulher. Pede a Deus que possa viver muitos anos para que continue falando para Beatriz coisas que nunca outra ouviu. Dante recomeça a exaltação a Beatriz em “Divina Comédia”, sua próxima obra.



Obs. Dante se sente vil quando após a morte de Beatriz se pega interessado em outra mulher. O livro poderia ser dividido em 4 partes.

1ª parte (Cap. I – XXVIII): os poemas que narram o estado do eu lírico e os poemas de louvor.

2ª parte (Cap. XXIX - XXXV): a morte de Beatriz e o sofrimento de Dante.

3ª parte (Cap. XXXVI – XXXVIII): o amor por outra mulher.

4ª parte (Cap. XXXIX – XLII): o retorno ao amor por Beatriz.



Dante foi um autor clássico trovadorista em fase de transição para o humanismo.


Publicado por: denise costa esteves da fonseca

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola