Topo
pesquisar

O Futuro da Humanidade

Educação

A falência do sistema educacional e o futuro da humanidade...

Nós seres humanos,bebemos demais,brigamos demais,falamos demais,e nos esquecemos de desfrutar a vida,que é uma dádiva de Deus.

Não nos preocupamos com o próximo,só pensamos em nós mesmos,ficamos presos em nosso próprio mundo,não ampliamos mais nossos horizontes. Por quê?

porque o sistema social,em que estamos envolvidos,não nos permite refletir sobre nossas atitudes,não temos tempo pára isso ,trabalhamos muito,ficamos bastante cansados,estressados. Não conseguimos atuar como autores da nossa própria história.

As idéias?! quem sabe onde foram parar? na história da humanidade houve tantos pensadores,criadores de idéias que marcaram nossa história,mas em pleno século XXI,quando a tecnologia está avançadíssima como em nenhuma outra

época,esta geração poderia ser a mais empreendedora,a mais feliz,a mais reforçada para lidar com seus desafios,mas não,a maioria vive alienados,infelizes,não sonham mais,o sistema os entorpeceu,onde vamos parar?

O sistema educacional está falido,a sociedade parece que não se preocupa mais com a educação,ela não sabe que quanto maior for a qualidade da educação,menos importante será o papel da psiquiatria no terceiro milênio.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

“Estamos informando e não formando jovens criadores de idéias. A vida é um eterno aprendizado. Sempre precisamos aprender com os outros,observar pessoas com ricas história para escrevermos a nossa própria história” (Cury,pag.25/2007).


Hoje o normal na sociedade é ser estressado e ansioso e o anormal é ser tranquilo e paciente.

E agora?! Qual será o Futuro da Humanidade?

Referência:

Cury,Augusto,12 semanas para mudar uma vida
São Paulo:Editora Academia de Inteligência,2007


Marcus Costa de Santana
Centro Educacional Deocleciano Barbosa de Castro
3°Ensino Médio na Modalidade Normal
Idade:17


Publicado por: Marcus Costa de Santana

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola