Topo
pesquisar

Você tem problemas? E eu com isso?

Administração

Tomamos todo nosso tempo muitas vezes com preocupações que nos afeta diretamente.

Vivemos num tempo onde tentar cumprir com todos os nossos compromissos diários parece ser algo impossível a ser feito, embora, também pareça o mais importante a ser feito. São tarefas do dia a dia que nos toma todo o tempo, deixando a impressão de que o dia tem menos de 24 horas ou que os ponteiros do relógio gira mais rápido de que quando éramos crianças. Pode parecer estranho, mas não é isso que acontece. Tomamos todo nosso tempo muitas vezes com preocupações que nos afeta diretamente. Não nos preocupando com a relação do outro em nossas vidas. A falta de tempo para resolvermos todos nossos problemas diários é apenas uma impressão construída por nosso cérebro para que possamos ter como desculpa a inabilidade de resolver todos os compromissos diários. A diferença está na forma com que construímos o nosso futuro.

Você já parou para pensar qual a importância do meio em sua vida, o quanto o outro pode influenciar o seu tempo, seus compromissos, o seu futuro? Não, eu acredito que realmente não tenha pensado nisso, pois isso não é algo comum que estamos acostumados a fazer. Procuramos prestar atenção apenas naquilo que nos interessa, ou que, esta ligado diretamente a nós, estou certo? Acredito que pelo menos a grande maioria pensa assim. Isso já é um grande problema. O individuo interfere no meio através de suas ações, podemos ver isso facilmente, da mesma forma o meio também interfere no individuo fazendo-o reagir. Muitas vezes de forma inesperada, tomando-lhe um tempo que não estava programado em sua agenda. Poderia dar inúmeros exemplos de ações indiretas, mas que, nos afetam diretamente. E por nos afetar diretamente deveríamos nos preocupar mais com elas. Você não acha?

A palavra afetar esta diretamente ligada ao fato de causar um efeito, seja ele bom ou ruim. A milhões de anos o homem vive em comunidade por questões diversas, uma delas é a segurança. Nossos antepassados aprenderam que juntos poderiam ser mais fortes e, assim, conseguiram a perpetuação da espécie. Por tanto, não faz parte de nossa gênese viver só, quando nos afastamos de pessoas dos nossos relacionamentos, algo não esta bom, algo esta nos afetando e precisamos rever nossas ações para alterar os comportamentos que certamente trarão outros resultados. Só o fato de não nos sentirmos bem, já causa um efeito nos ambientes de nossos relacionamentos. Nossa cultura faz com que vivemos em comunidade, independente de nossos problemas, precisamos aprender a conviver com eles, ou melhor, a resolvê-los sem afetar o meio, mas isso é algo quase impossível. A dificuldade não esta em resolver nossos problemas, mas sim de, encontrar soluções antes que este atinja o meio.

Mas, por que devo me preocupar com a resolução dos problemas antes que este atinja outras pessoas? – É simples, toda ação gera uma reação e toda a reação inesperada gera uma contra-ação. Você já ficou preso no transito por conta de alguma passeata, ou um grave acidente, então ações de terceiros que afetaram diretamente você e por consequência seu tempo. Ai você me pergunta, mas o que fazer nesse caso? Existem coisas que afetam nossa vida que realmente não temos como evitar, como por exemplo, a morte de um parente próximo, uma doença inesperada, enfim!

Meu intuito não é levar soluções para todos os problemas, não é minha pretensão ser o senhor da verdade, mas sim, fazer você pensar de forma holística, ou seja, globalizada. Ter uma visão mais ampla da vida dará a você a capacidade de obter informações variadas, contribuindo para a geração de novos conceitos, novos aprendizados e certamente uma compreensão mais aprimorada da vida, pois "A vida não é o que acontece com você, mas o que você faz que aconteça com você." Norman Vincent Peale.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Vivemos num tempo em que os questionamentos se tornam constantes, por isso buscamos respostas e, para alcançar as melhores respostas necessitamos parar para refletir sobre nossas ações, mas essa é uma "tarefa de casa" que não nos parece muito fácil. Muitas vezes por falta de tempo ou até mesmo interesse, pois, refletir certamente nos fará reconhecer alguns de nossos erros e, reconhecer erros requer mudanças e, mudanças causam desconforto e muitas vezes insegurança. Por isso distanciamos de nós por medo, insegurança e acomodação. Não percebendo que nossos erros certamente estarão afetando o outro e o meio em que vivemos. Logo o resultado de nossas ações também nos atingirá e ai que vem a reação, trazendo o desgaste físico e mental. Já é cientificamente comprovado que o esgotamento físico e mental pode causar doenças como o infarto, hipertensão, fobias, gastrite. Podemos evitar? – Sim! – Certamente! Não querendo ser redundante, mas nossas ações interferem no meio o que mais você precisa saber?

Busque conhecer a si mesmo, procure identificar o que te afeta ou o que não esta dando muito certo para você, identifique seus pontos fortes e pontos a serem melhorados. Caso não consiga fazer isso sozinho busque ajuda de um profissional. Mas o mais importante não é identificar o que é mais importante, mas sim, se permitir a mudar, fazer diferente, pois só assim você estará dando um novo sentido a todas suas ações. Com isso você viverá mais feliz, transcendendo aos demais toda sua felicidade e assim você já estará fazendo a diferença. Por isso viva sua vida, não como se hoje fosse o ultimo dia, mas como se hoje fosse o melhor dia de sua vida! – E é, pois é hoje que você pode fazer toda a diferença. É hoje que você altera o seu futuro, é hoje que você contribui com suas ações para a vida de todos os que estão direta ou indiretamente ligados a você.

Por tanto pense muito bem no que você esta fazendo com sua vida e com a vida dos outros que estão ao seu redor. Temos o direito de escolher o que queremos passar, mas não temos o direito de escolher o que os outros irão passar por conta de nossas ações. Tudo o que passamos o que vivemos deve servir de exemplos para a construção de um individuo mais responsável com sigo e com os outros. Nosso futuro faz parte das escolhas que fazemos hoje, pois a vida é como uma grande fazenda. O que plantamos colhemos e o que colhemos comemos, cuidado para não sobrar apenas erva daninha para que você possa colher e consequentemente ter que comer. Agora eu lhe pergunto! E eu com isso? – minha parte eu já fiz, espero que vocês possam refletir, refletindo possam encontrar seus erros, os pontos a ser melhorados, se permitindo a cada dia fazer diferente, com isso ter novos resultados alterando significativamente suas vidas e dos seus. Permita-se a fazer diferente, sempre pensando se os resultados de suas ações iram afetar o outro de forma positiva ou negativa.


Publicado por: Marcos Demarchi

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola