Topo
pesquisar

E se meu filho perguntar: “Papai, o que é um Coordenador Pedagógico?”

Educação

O que é um coordenador pedagógico e suas atribuições.

Diário de um Pai: Reflexões de um Paidagogo

E se meu filho perguntar: “Papai, o que é um Coordenador Pedagógico?”

Feira de Santana, 08 de abril de 2010.

Querido Gabriel, ultimamente tenho me encantado com as informações que venho colhendo sobre o que é ser um Coordenador Pedagógico. Confesso que até me assusto por notar o grau de responsabilidade atribuído a essa profissão. E me assusta, também, perceber que muitos dos profissionais atuantes ainda não tenham compreendido a grandeza de seu papel no âmbito escolar. Caso contrário, a educação de nosso país não estaria tão decadente. Não estou querendo culpar ninguém, estou apenas começando a entender que não há outro agente do cenário social que seja tão apto a promover mudanças no recinto escolar quanto o pedagogo. Alguém pode até dizer que sempre aparece um professor ou diretor (a) aqui ou ali, que faz um trabalho diferenciado e conquistam todos. Mas trata-se aí de ações isoladas. Infelizmente, ações isoladas remetem à veneração de ídolos, heróis e etc., mas A beleza em gestão escolar consiste justamente no poder da unicidade.

O grande gestor educacional é aquele que compreende que toda e qualquer ação é mérito do trabalho em conjunto.

Oferecer condições de acesso e permanência do aluno na escola, bem como o sucesso no rendimento escolar, a satisfação do corpo docente, funcionários da escola e familiares requer posturas descentralizadoras de responsabilidades, ou seja, deve-se elucidar a importância de cada esfera envolvida e atribuir-lhes suas devidas responsabilidades.

Penso que a atuação do C.P (Coordenador Pedagógico) centra-se no bojo de seus princípios de comprometimento. Quando engajado na causa de melhoria do cenário educacional o C.P deixa de apontar as causas e efeitos das mazelas escolares e passa a reconhecer e praticar seus reais atributos:

Ao Coordenador Pedagógico são cometidas as seguintes atribuições: planejar e coordenar a implementação dos princípios da orientação pedagógica no sistema de ensino; dinamizar a ação integradora entre as áreas que atuam no processo de ensino; coordenar o trabalho pedagógico junto às escolas; atuar em conjunto com as demais áreas da Secretaria de Educação em que se faça necessária a intervenção pedagógica; atuar junto à direção das escolas coordenando a implementação da política pedagógica da Secretaria Municipal ou Estadual; sugerir e aconselhar a adoção de melhorias práticas na área pedagógica; assessorar, no que diz respeito à promoção, orientação, coordenação, controle e avaliação das atividades de caráter técnico-pedagógico; informar os superiores de problemas relacionados ao ensino; executar tarefas afins. (Hoff, 1991).

Há vários autores que discorrem sobre os atributos do C.P. Acrescentaria ainda a importância do C.P dominar a oratória, o poder de persuasão, a inteligência emocional (tema que futuramente fará parte do nosso diário), o equilíbrio entre democracia e senso de liderança.

Tá vendo filho? É muita coisa!!! A pedagogia é pra quem tem coragem, jogo de cintura, habilidade com o público. Espera-se muito do C.P. Eu diria até que para adentrar no fazer pedagógico é preciso preparações que superam as cargas horárias e acumulo de certificados. É preciso CERTIFICAR-SE do que realmente queremos, do que realmente somos, do que realmente precisa ser mudado e adianto que mudança externa é impossível se na olharmos o que precisa ser mudado em nós.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ser C.P é ampliar a própria existência numa fusão PROFISSOAL (profissional + pessoal). Claro que há de se ter alguns ajustes, caso contrário o portão da casa do C.P ficará cheio de alunos e/ou professores carentes, em busca de palavras amigáveis e isso pode tomar o tempo do C.P ter suas palavras amigáveis com a própria família.

Além da pergunta que intitula este texto, você tem todo direito de perguntar também:

“E você papai? Sente-se preparado pra ser um C.P”?Pois é...sinceramente... ainda estou buscando aprender sobre Políticas Educacionais,Direito Educacional, Teorias da Aprendizagem, Novas Tecnologias, Educação Inclusiva, PPP, PDE, LDB, Concepções de Gestão, desvelar a beleza da Gestão Democrática Participativa, Educar por Projeto, Aquisição da Linguagem e Escrita, Psicologia Educacional, Didática, Tecnologias Educacionais, Design de Sistemas de Aprendizagem,Estratégias de Ensino e Aulas, Métodos de Avaliação, Tecnologias Educacionais Aplicadas, Desenvolvimento da Memória e Aprendizado, Desenvolvimento Cognitivo, Educação Especial, Programas de Educação Infantil, Macro e Micro Sistemas, Interdisciplinaridade, Afetividade...e mais e mais temas que não citei...e ai? Você acha que estou pronto? Que domino tudo isso? Será que todos dominam? Será que nos falta tempo e dinheiro para fazer formação continuada? ou trata-se de devoção? Amor a nossa trajetória acadêmica e (auto) valorização dos cursos de pedagogia? Ou será ainda o descompasso da classe gestora com a classe docente que gera entraves? Gera medo?...afinal de contas quantos de nós educados em regimes autoritários até hoje temos medo da palavra PROFESSOR...medo de sermos avaliados.

Amado filho, não tenho as respostas...quem sabe um dia quando o universo escolar entender que não cabe mais avaliações quantitativas e excludentes, quem sabe quando os seguimentos pararem de apontar responsáveis e aprenderem a compartilhar responsabilidades, quem sabe quando o C.P aprender que precisa aprender sobre os temas citados acima...

Para seu romântico pai...não trata-se apenas de tecnicismos...mas de humanismo, de respeito à função de cada um, de reconhecer as potencialidades não apenas porque os livros nos ensinam a importância da motivação...mas pela crença natural de que “somos todos um”. O lema do C.P é (ou deveria ser) a unicidade bem compreendida e bem praticada...não apenas discursada.

Te desejo sincronismo e unicidade com as coisas boas do mundo!

TE AMO!!!

Do seu Paidagogo:

Joilson Aleixo da Silva (Papai)

Referencias:

SILVA, Joilson Aleixo, Coordenador Pedagógico: O centro gravitacional da escola.

Disponível em: www.artigonal.com

SILVA, Joilson Aleixo, Tirocínio Kamikaze: Relato de um Estágio.

Disponível em: www.artigonal.com


Publicado por: Joilson Aleixo da Silva

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola