Topo
pesquisar

Protestar não é Vandalizar

Política

Clique e confira uma crítica que o Professor Jorge Lucena faz aos protestos com vandalismo.

Protestar é um direito de todo cidadão Brasileiro assegurado pela nossa constituição Federal. Protestar de forma pacífica e ordeira, respeitando os órgãos públicos e as propriedades privadas, além de ser uma forma inteligente de expressar a formação de opinião de todo cidadão, é também uma forma de expressão de uma sociedade organizada que sabe lutar por seus direitos junto aos seus governantes.

Esse tipo de comportamento é considerado louvável e necessário dentro de qualquer sociedade inteligente, ordeira e pacífica, que cobra de suas autoridades os benefícios e atitudes a que devem ter como líderes políticos. Mas infelizmente pessoas de pensamentos e atitudes reprováveis dentro de uma sociedade, motivadas pelo senso de ignorância e destruição, e que não possuem objetivo de crescimento de qualidade nenhuma, nem de forma pessoal, nem como membro de uma sociedade civilizada, usa de má índole para praticar ações de vandalismo, destruindo prédios públicos depredando ônibus e causando os mais diversos prejuízos, seja com relação às entidades públicas ou privadas, procurando de forma maldosa e sem caráter, desviar o sentido principal de uma manifestação, que é levar as autoridades as suas reinvindicações. O vandalismo é uma atitude reprovável e ridícula de pessoas miúdas, de pensamentos retrógrados, que devem ser punidas de forma enérgica pelas autoridades competentes, elementos dessa espécie, podem perfeitamente estar sendo usados por organizações políticas maldosas, no sentido de se aproveitar da situação calamitosa que se encontra o nosso País, visando à obtenção de vantagens junto ao processo político que se aproxima, colocando em risco eminente, toda a população trabalhadora, refém da falta de segurança que ora atinge todo o território nacional.

Atitudes reprováveis como a que aconteceu na última semana em uma cidade do interior do estado de Pernambuco, onde vândalos se aproveitaram de uma greve da polícia militar daquele estado e praticaram além de saques a lojas, depredaram veículos e praticaram as mais terríveis barbaridades naquela pacata cidade. São atitudes que a sociedade com certeza repudia, e clama das autoridades atitudes concretas no sentido de punir aqueles vândalos aproveitadores, e financiadores dessa covarde ação contra o povo Brasileiro trabalhador.  


Publicado por: JORGE LUCENA

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola