Topo
pesquisar

rumo ao progresso

Redação

O espaço que a mulher está ganhando no mundo.

A relação entre homem e mulher quase sempre era manifestada sob um cenário de dominação e dependência, a mulher era submissa às vontades do companheiro, e a origem disso tudo está na luta pela sobrevivência do homem e da mulher desde os primeiros tempos. Fisicamente mais forte, o homem caçava, buscava alimento e defendia seu grupo do perigo contra os perigos naturais e a mulher por sua vez com constituição física mais delicada se limitava a cuidar dos filhos e dos afazeres domésticos. Cansada de ser vista pela sociedade de imatura e inferior e de séculos de dominação, a mulher passa a lutar com maior afinco para conquistar uma posição de igualdade com os homens, surgindo assim no final dos anos 60 os movimentos feministas, sempre defendendo os ideais de igualdade. Hoje as mulheres estão inseridas no mercado de trabalho e buscando cada vez mais ampliar seu campo de atuação profissional, competindo com o sexo oposto posição que antes era indiscutivelmente masculino, como por exemplos cobertura de copa do mundo, motorista de ônibus.

A ascensão da mulher gera uma nova identidade masculina, que acostumados ao poder e à hegemonia se ver de repente obrigados a dividi-los com a mulher. Essa nova postura deixa de lado um pouco do machismo, da autoridade, do comportamento agressivo para dar lugar a uma conduta mais paternal, convivendo de forma mais afetiva com os filhos. Hoje já se ver muitos homens tendo uma participação maior no lar, dividindo tarefas doméstica com a mulher, antes exclusivas delas, e que muitas vezes não recebia a devida relevância, havendo uma desvalorização do trabalho doméstico.

Conclui-se que o papel antropocêntrico vem se modificando, o que se deve a inserção mais intensa das mulheres em atividades remuneradas, claro que ainda há casos de hegemonia em alguns lares, no próprio cenário trabalhista, mas sem dúvida o que está acontecendo é uma crescente evolução. A relação homem e mulher atualmente deixam de ser de dependência e dominação para ser de troca, dialogo e de respeito mútuo.


Publicado por: vanessa

O texto publicado foi encaminhado por um usuário do Brasil Escola, através do canal colaborativo Meu Artigo. Para acessar os textos produzidos pelo site, acesse: http://www.brasilescola.com.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
MeuArtigo Brasil Escola